terça-feira, 21 de setembro de 2010

Portas

Sempre acreditei que as portas foram feitas para serem abertas. É por isso que têm maçanetas, e dobradiças. Metemos uma barreira e alguém vai atravessá-la. É da natureza humana querer saber o que está do outro lado, e de ignorar o óbvio: as portas existem por alguma razão.
É verdade que algumas portas devem permanecer fechadas. Mas normalmente só nos apercebemos disso quando já estamos do outro lado. Todos cometemos erros, faz parte de nós. No entanto não é razão para vivermos a nossa vida só num espaço. As portas que decidirmos abrir, determinam o caminho das nossas vidas. Seja com coragem, zangados, estúpidos, com dor...
Somos definidos pelo que fazemos. Pelo caminho que escolhemos. E não podemos ir a lado nenhum, sem abrir uma porta.

1 comentário:

Uma vidaa *.* disse...

Gostei do blog *.*

-Sigo-te :)